Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial UPs - Unidades de Pesquisa UP Arroz irrigado

UP Arroz irrigado

Pelotas - RS

 Veja a localização da UP: Arroz_irrigado

 

A UP Arroz irrigado (arroz irrigado em várzeas subtropicais) é composta de duas áreas pilotos, localizadas na Estação Experimental Terras Baixas (ETB) em Pelotas - RS, uma não sistematizada (AR1) e a outra sistematizada (AR2), para efeitos de comparação. As ações são coordenadas localmente pela Embrapa Clima Temperado.

 

UP_arroz2

UD_arroz1,

Localização dos campos experimentais da Estação Experimental Terras Baixas (ETB) em Pelotas - RS (imagem superior) e detalhe das UPs de arroz irrigado (AR1 e AR2) na imagem inferior. Fonte: Google (2011).

 

 

AR1Unidade Piloto AR1: trata-se da área piloto original do projeto (área total = 10,5 hectares), inserida no sistema de plantio da ETB, isto é, três anos de arroz, dois anos de pousio. A visualização da área e comparação das condições sem vegetação e com cultivo de arroz (Figura 2) sugerem certa variabilidade espacial. Em 2009, foi plantado arroz irrigado em sistema convencional. Em 2010, o solo foi nivelado e modificou-se a rede de drenagem, com introdução de baixa carga de gado no inverno. Em setembro de 2010 foi realizado levantamento a campo com estação total, que permitiu elaborar um modelo digital de elevação com precisão centimétrica, segundo uma grade de 30 m x 30 m; em novembro do mesmo ano, antes do plantio, foram coletadas três amostras de solos na porção central da área, localizadas a 17,5 m de distância uma da outra. Foi repetido o plantio de arroz nesta ocasião, sendo que, para efeitos comparativos, considerou-se um quadrado de 25 metros de lado no centro da área com plantio direto e o restante no sistema convencional. A produtividade foi avaliada de maneira manual, em abril de 2011, segundo doze pontos aleatoriamente espalhados, demarcados com receptor Garmin GPSmap 76CSx. A parte aérea das plantas foi retirada, considerando uma quadrícula de madeira de 0,5 m de lado, sendo guardada em sacos plásticos, processada e pesada, para determinar matéria seca da parte aérea.

 

AR2Unidade Piloto AR2: Trata-se de uma área sistematizada (área total = 7,4 ha), o que corresponde ao processo de nivelamento do terreno de maneira a transformar a superfície em um plano, prática que facilita o manejo da lavoura, principalmente quanto à uniformidade da irrigação no sistema de arroz irrigado. Em 2008, foram analisados diversos parâmetros físicos e químicos do solo em área de aproximadamente 1 ha (PARFITT, 2009). Em 2010, reiterou-se a amostragem superficial de solos em malha regular na mesma área no contexto do projeto AP2, coincidindo com o estudo anterior, em malha regular com passo de 10 m, retirada em duplicata, com pá e com anel metálico, isto é, sem conservar a estrutura do solo e mantendo-a intacta, respectivamente. A demarcação foi realizada com Estação Total Sokkia SET 610. Paralelamente foram amostradas, aleatoriamente, dez duplicatas afastadas 5 m do ponto de coleta determinado pela malha, visando avaliar a variabilidade espacial em curta distância e possíveis erros metodológicos relativos a amostragem. As amostras foram processadas e guardadas em local apropriado para realizar as determinações físicas e químicas: granulometria, densidade, teor de fósforo, teor de nitrogênio, teor de potássio e matéria orgânica. O plantio de arroz cobriu parte da área em novembro de 2010 (Figura 3), sendo avaliada a matéria seca segundo a malha mencionada anteriormente (regular com passo de 10 m). A observação das imagens sugere menor variabilidade espacial, fato explicado em função do processo de sistematização.

 

Esta atividade de pesquisa, está ligada ao Projeto Componente AP para culturas anuais

Para saber mais sobre a UP: Agricultura de Precisão: um novo olhar 

Assista: http://www.youtube.com/watch?v=rDuSZLj53kc&context=C34ca1a3ADOEgsToPDskJKQy7ynAjF5U_jC1H8fP99

 
 

 

Ações do documento