Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial UPs - Unidades de Pesquisa Produção de Grãos no Alto Jacuí

Produção de Grãos no Alto Jacuí

Não-Me-Toque - RS

Veja a localização da UP: Trigo

 

Fazenda Mânica, em Não-Me-Toque/RS (28o 32’ S, 52o 48’ W) em culturas anuais produtoras de grãos, com ações coordenadas localmente pela Embrapa Trigo em parceria com a Cotrijal.

Trigo_1

 

A Unidade Piloto (UP) de culturas anuais produtoras de grãos está implantada no município de Não-Me-Toque/RS, na propriedade do senhor Nei Mânica (Fazenda Mânica). A área da UP é de 55,22 ha e é manejada sob Sistema Plantio Direto. A variabilidade da área começou a ser acompanhada pela Cotrijal em 2008 na cultura de milho onde foi gerado o primeiro mapa de variabilidade de rendimento de grãos. Também foram quantificadas as características químicas do solo. A sequência de culturas utilizada na área a partir da safra 2008/2009 foi milho-trigo-soja-aveia-soja-aveia-milho. Na estação de crescimento de inverno 2012 está previsto novamente o cultivo de trigo na UP. As ações em andamento na área pretendem mapear características químicas, físicas e biológicas do solo; acompanhar as relações hídricas do sistema solo-planta-atmosfera na área; monitorar o rendimento de grãos de cada cultura e características relacionadas com a qualidade de determinadas culturas (especialmente cereais de inverno), entre outros. As informações geradas serão integradas utilizando-se sistemas de informação geográfica (SIG) para subsidiarem a tomada de decisões de manejo da área. Como intervenção na área, estão previstos dois focos potenciais: a redução do adensamento do solo (em caso de identificação de área limitante) e o manejo da adubação nitrogenada em cereais utilizando-se as filosofias de zonas de manejo e aplicação em taxa variável. Dentre as ferramentas/técnicas que estão sendo ou que serão utilizadas na área destaca-se: imagens aéreas, condutividade elétrica, topografia, fitomassa, clorofila, nutrientes no tecido, interceptação de radiação, cobertura solo, produção palha, componentes do rendimento, rendimento de grãos, macro, micro e porosidade total solo, densidade e umidade solo, curva retenção de umidade solo e força de tração. Além de atividades realizadas na UP, algumas avaliações e experimentos complementares são realizados nas áreas experimentais da Embrapa Trigo nos municípios de Coxilha/RS e Passo Fundo/RS. As atividades de pesquisa realizadas pela Embrapa Trigo estão relacionadas ao Projeto Componente AP para culturas anuais, nos seguintes planos de ação e respectivas atividades:

PA2 – Mapeamento da variabilidade espaço temporal das características agronômicas em sistemas de produção de culturas anuais.

- Atividade – Mapeamento da variabilidade espaço-temporal de características agronômicas das culturas de trigo e soja em sistemas de produção de grãos no Rio Grande do Sul. Responsável: Genei Dalmago

- Atividade – Uso de imagens aéreas no monitoramento do vigor e outras características agronômicas do trigo no Rio Grande do Sul. Responsável: Genei Dalmago

PA3 – Mapeamento da variabilidade espaço temporal de atributos de solo para identificação de zonas de manejo e monitoramento pós intervenção sítio-específico

- Atividade – Variabilidade espacial e temporal de atributos químicos e físicos de solo e sua relação com rendimento de trigo na rotação soja/trigo/milho sob sistema plantio direto no Rio Grande do Sul. Responsável: José Pereira da silva Júnior

- Atividade – Utilização de sensor de condutividade elétrica (sistema Veris) no mapeamento de atributos físicos e químicos do solo em sistema de produção de trigo no Rio Grande do Sul. Responsável: Anderson Santi

PA4 – Desenvolvimento e aperfeiçoamento de estratégias de manejo sítio-específico em culturas anuais.

- Atividade – Manejo sítio-específico do trigo no Rio Grande do Sul. Responsável: João Leonardo Fernandes Pires

Por meio dos resultados obtidos pretende-se melhorar o entendimento dos fatores responsáveis pela variabilidade de características de solo e planta em áreas produtoras de grãos do Sul do país, alem de validar ferramentas e estratégias de intervenção aplicáveis em Agricultura de Precisão. Isso possibilitará que a Embrapa e a Cotrijal, contribuam com o aprimoramento do gerenciamento de propriedades agrícolas levando em consideração a variabilidade das áreas visando maximizar o retorno econômico e minimizar riscos de danos ao ambiente.

Aspecto geral da área e do cultivo de milho na safra 2011/2012na Unidade Piloto de culturas produtoras de grãos no Município de Não-Me-Toque, RS.
 
Ações do documento