Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial UPs - Unidades de Pesquisa UP Viticultura de Precisão - vinho

UP Viticultura de Precisão - vinho

Bento Gonçalves – RS

A Unidade de Pesquisa Uva para Vinho está localizada na Vinícola Miolo, Vale dos Vinhedos, município de Bento Gonçalves, RS. As atividades de pesquisa são conduzidas pela Embrapa Uva e Vinho e pela Embrapa Clima Temperado. 

 Parceria: Miolo

As tecnologias relacionadas à viticultura de precisão ainda não estão sendo contempladas pelo setor vitivinícola, o que poderia ser uma ferramenta para aumentar a competitividade do vinho brasileiro em relação ao importado. Para sanar essa lacuna, está-se conduzindo esta pesquisa utilizando várias tecnologias de viticultura de precisão num vinhedo do cv. Merlot, clone 347, de 2,42 ha. As atividades de pesquisa iniciaram em 2010, constituindo-se na determinação das coordenadas da UP Uva para Vinho, georreferenciamento das videiras que formam os vinhedos, determinação dos perfis dos solos, análises de amostras de solos, índice de vegetação por diferença normalizada, condutividade elétrica do solo, clorofila das folhas, análise de minerais dos pecíolos, composição físico-química do mosto da uva, elaboração de vinho em pequena escala, composição físico-química do vinho, características sensoriais do vinho e vigor da planta. Parte dos resultados foi espacializada, mas há outros ainda a ser contemplados. 

 

Lote43_Miele2

Vista parcial dos vinhedos do cv. Merlot que compõem a UP Uva para Vinho. Bento Gonçalves, RS. (Foto: Alberto Miele)

 

Procedeu-se à análise de cinco perfis de solo, cujos resultados levaram à determinação de três classes taxonômicas de solo, ou seja, Argissolos, Cambissolos e Neossolos, e 10 unidades de mapeamento. Os Cambissolos apresentam alta saturação de base; os Argissolos, alta saturação por alumínio; e os Neossolos, alto teor de carbono orgânico e muito pedregosos. Dessas classes de solo, foram feitas cinco amostragens de uva duas no Argissolo, uma no Cambissolo e duas no Neossolo, as quais foram processadas e elaborados vinhos em pequena escala (20 L). As análises físico-química e sensorial desses vinhos, como também a espacialização dos dados obtidos, deverão ser feitas no decorrer de 2012. Apesar de as análises do vinho ainda não terem sido realizadas, a análise de componentes principais dos mostos das uvas mostra que os Argissolos e Cambissolos caracterizaram-se por valores mais expressivos de pH e relação ºBrix/acidez titulável; os Argissolos, de ºBrix; e os Neossolos, de acidez titulável. 

Estas atividadea de pesquisa, estão ligadas ao Projeto Componente AP para culturas perenes. Ao finalizar o projeto, espera-se definir as tecnologias de agricultura de precisão que podem ser utilizadas em viticultura de precisão, especialmente em pequenas propriedades agrícolas, harmonizando a relação custo/benefício.

 

 Lote43_Miele1

Mapa dos solos da UP Uva para Vinho mostrando as três classes taxonômicas e as dez unidades de solo determinadas em 2011. (Foto: Google Earth, julho de 2007).


Para saber mais sobre a UP: Agricultura de Precisão: um novo olhar

Assista: http://www.youtube.com/watch?v=GzE3hxMDYAE&context=C39a06a3ADOEgsToPDskLsKyNPxDzV_17BPwB8aGo3

 

 


 

Ações do documento